Este ano paralelamente ao festival de tunas Celta, realiza-se um Concurso de Bandas dedicado ao tema do Rock. No site da Capital Europeia da Juventude, no local dedicado ao Celta Rock Top Band pode ler-se:


Concurso de Bandas - Celta Rock Top Band (segunda eliminatória)

O CELTA – Certame Lusitano de Tunas Academicas - é o festival de tunas organizado anualmente em Braga pela Azeituna e que concretiza no próximo mês de dezembro a sua décima nona edição, que se realiza sob o tema “Rock”.
Paralelamente ao festival de tunas, a Azeituna apresenta o Concurso de Bandas – Celta Rock Top Band. Este concurso será composto por diversas etapas, desde a seleção de inscrições, que deverão ser submetidas ate dia 26 do corrente mês, passando por duas eliminatórias até uma fase final, todas elas realizados no Insólito Bar, em Braga, durante o mês de Novembro, nos dias 6, 13 e 23, respetivamente.
O Celta Rock Top Band será organizado pela Azeituna – Universidade do Minho com o apoio de Braga 2012: Capital Europeia da Juventude e tem por objetivo, para além de oferecer um espetáculo musical de qualidade na cidade de Braga, impulsionar os jovens com talento musical e proporcionar aos mesmos a oportunidade de lançamento no meio artístico de forma a estimular o trabalho desenvolvido por projectos menos conhecidos, em particular influenciados pelo “Rock”.
Prémios para a banda vencedora:Gravação de uma maquete em estúdio profissional;
Gravação em vídeo de um 'Showcase' na RUM;
Voucher de 250€ numa loja de música;
Atuação com grande exposição da banda num evento organizado pela Azeituna. (mais detalhes brevemente)
Inscrições e regulamento em http://www.azeituna.pt Prazo das inscrições: 26 Out.
Noites do concurso no Insólito Bar:
 1a eliminatória - 6 Nov (terca-feira) 2a eliminatória - 13 Nov (terca-feira) Final - 23 Nov (sexta-feira)

Sem dúvida uma excelente iniciativa, que devia realizar-se todos os anos. 

O tema podia ser mais alargado e procurar chamar todas as bandas do Minho. O palco da final devia ser outro, quando Braga tem um Teatro Circo e um Grande Auditório do PEB, sem uma programação de qualidade.

Falta estratégia para a Cultura em Braga. E falta perceberem, que em vez de auto proclamarem a cidade como a terceira do País e como capital do Minho, devem procurar reunir o que o Minho tem de melhor, procurando contribuir para o desenvolvimento e coesão da região.